Tribulus Terrestris aumenta força física?

O Tribulus Terrestris é uma planta amplamente usada na medicina tradicional chinesa que parece ter benefícios tanto para a disfunção erétil quanto para a melhoria do desempenho esportivo. 

Tribulus Terrestris aumenta força física

O Tribulus Power funciona muito bem tanto para homens como para mulheres.
Vamos aprofundar suas propriedades, mesmo as menos famosas, e tentar entender se realmente faz “milagres”. 

O Tribulus Terrestris é uma planta bem conhecida na medicina popular chinesa, mas conhecida desde os tempos antigos também no campo da fitoterapia, que utiliza frutas,  folhas e sementes. 

Originalmente usado apenas para combater distúrbios da esfera sexual masculina e melhorar o desempenho esportivo, hoje , como veremos, também usado para outras propriedades. 

Para que serve as propriedades desta planta?

A planta possui uma série de propriedades fitoterápicas ligadas, em particular, a uma molécula específica, a protodioscina, pertencente à família das saponinas, que provou ser eficaz na promoção da produção de hormônios sexuais masculinos com efeitos positivos na líbido.  

No Oriente, essa planta é usada principalmente como tônico para o corpo em geral. 

Mas vamos analisar em detalhes os benefícios do Tribulus Terrestris: 

Disfunção erétil: a planta demonstrou ser eficaz no combate à disfunção erétil e problemas relacionados à libido. 

Os primeiros estudos foram realizados em animais nos quais foi observado um aumento na testosterona, um dos principais hormônios sexuais masculinos. 

A protodioscina, contida em cerca de 40% do extrato seco dos frutos e sementes, estimula positivamente a síntese da testosterona, diidrotestosterona e desidroepiandrosterona, hormônios que causam um aumento na espermatogênese com efeitos positivos no desejo sexual. 

O aumento da espermatogênese também explica seu uso no passado para tratar problemas de infertilidade. 

Melhorando o desempenho esportivo: alguns preparativos à base de Tribulus Terrestris são usados para melhorar o tônus muscular e a força física. 

Isso se deve ao fato de a planta ser capaz de estimular a produção de esteroides androgênicos, embora o mecanismo exato pelo qual ela desempenha essa função ainda não esteja totalmente esclarecido. 

Pressão sanguínea: as substâncias alcaloides presentes na planta causam um ligeiro aumento na pressão sanguínea. 

Função renal: a riqueza de potássio de Tribulus Terrestris favorece a perfusão renal com consequente efeito diurético. Além disso, a ação urolítica dada por frações específicas de aminoácidos é capaz de dissolver pedras nos rins. 

Outras propriedades atribuídas ao Tribulus Terrestris, cujos mecanismos não são bem conhecidos e cuja eficácia relativa não é certa, são: 

  • Combate a infecções do trato urinário; 
  • Combater infecções causadas por fungos; 
  • Tratar doenças venéreas;
  • Útil para psoríase ;
  • Contra a perda de cabelo. 

Dosagem ideal de Tribulus

Muitos suplementos que contém Tribulus Terrestris são conhecidos como “viagra natural” devido às propriedades da planta de agir sobre a libido. 

Os suplementos que encontramos no mercado são obtidos a partir dos extratos de folhas, sementes e frutos da planta e são vendidos em pó ou em cápsulas em lojas de alimentos naturais ou farmácias. 

Como não existem estudos científicos relacionados à sua atividade farmacocinética, não é possível estabelecer uma dosagem precisa que possa ser padronizada para todos. 

Dessa forma, não existe uma dosagem ideal de Tribulus, pois geralmente as dosagens indicadas nos suplementos variam entre 10-20 mg/ kg ao dia, por períodos não superiores a 5-6 semanas. 

Pó: uma colher de sopa por dia, com o estômago vazio, dissolvido em água ou suco. 

Comprimidos: 1-2 comprimidos por dia com água em abundância 

Os métodos de armazenamento do produto são sempre indicados na embalagem, além disso, o mais indicado é buscar orientação médica para saber a dosagem ideal para cada situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *